Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2017

ORAÇÃO, UM CAMINHO

Nunca deixar de rezar, mesmo que nada se perceba e nada se sintaÉ fantástico, fascinante e sedutor percorrer o caminho, a aventura da oração através dos séculos, da Palavra de Deus, dos Santos, dos místicos e dos homens e mulheres que, sem nenhuma pretensão teológica, são autênticos mestres do diálogo com o Senhor da vida.Não há nenhuma faculdade que dê o título de “orantes, místicos e mistagogo”, embora muitas pessoas possam se apresentar orgulhosamente com esses títulos. Só a humildade e aprendizagem constantes nos fazem capacitados para errar.Só os que erram sentem que estão longe de poder dizer que rezam bem e, por isso, buscam luzes e forças naqueles que foram consagrados pela Igreja como autênticos orantes.Meditar na vida e doutrina de orantes de diversas épocas pode, sem dúvida, nos estimular na nossa caminhada de encontro pessoal com o Senhor. Cada um nos diz alguma coisa interessante, mas o ponto de partida e de chegada é sempre o mesmo.O que muda são os meios, os métodos.Pon…

Como posso me relacionar com Maria no dia a dia?

A presença de Nossa Senhora se revela em nosso cotidiano Cada paróquia no Brasil tem um título de Nossa Senhora, que ganha destaque na comunidade local. Quando se aproxima a festa relacionada a esse título mariano, a paróquia se mobiliza, faz novena, quermesse e celebra muito a festividade. Mas Nossa Senhora só está presente em nossa vida nesses momentos particulares? Somos fiéis devotos dela, mas só pedimos sua interseção nas Missas celebrativas ou quando estamos com problemas a resolver? Não é esse o desejo de Deus ao nos dar Maria como Mãe nem é o desejo dela ao nos assumir como filhos. Ela quer participar do nosso dia a dia, auxiliando-nos e fortalecendo-nos na caminhada até Deus. Auxílio dos cristãos São Bernardo nos ensina que “nos perigos, nas angústias e dúvidas devemos pensar em Maria, invocando-a”. São Boaventura afirma: “Jamais li que algum santo não tivesse sido devoto especial da Santíssima Virgem”. Na oração da Ladainha de Nossa Senhora, nós a chamamos de “auxílio dos c…

As sete principais tristezas e as sete principais alegrias de são José

(conforme os sete nós do cordão)
1) Ó Esposo puríssimo de Maria Santíssima, glorioso São José, assim, como foi grande a amargura de vosso coração na perplexidade de abandonardes a vossa castíssima Esposa, assim foi indizível a vossa alegria quando pelo Anjo vos foi revelado o soberano mistério da Encarnação. Por esta tristeza e por esta alegria, vos pedimos a graça de consolardes agora e nas extremas dores, a nossa alma, com a alegria de uma vida justa e de uma santa morte, semelhante à vossa, assistidos por Jesus e por Maria.

Pai Nosso, Ave Maria e Glória.

2) Ó felicíssimo Patriarca, glorioso São José, que fostes escolhido para ser o Pai adotivo do Verbo emanado, a tristeza que sentistes ao ver nascer em tanta pobreza o Deus menino, se vos mudou em júbilo celeste ao ouvirdes a Angélica harmonia e ao contemplardes a glória daquela brilhantíssima noite. Por esta tristeza e por esta alegria, vos suplicamos a graça de nos alcançardes que, depois da jornada desta vida, passemos a ouvir os an…

Oração ao Anjo da Guarda (Por São Francisco Xavier)

Ó Anjo de Deus que és minha guarda, pela piedade superna a mim, a ti cometido, salva, defende e governa. Amém, Jesus.
Rogo-te, Anjo bento, a cuja providência eu sou encomendado, que sempre sejas presente, em minha ajuda. Ante Deus Nosso Senhor, apresenta os meus rogos a Suas mui piedosas orelhas, para que, por Sua misericórdia e tuas preces, me dê perdão de meus pecados passados e verdadeiro conhecimento e contrição dos presentes, e aviso para evitar os pecados vindouros, e me dê graça para bem obrar e até ao fim perseverar.
Afasta de mim, pela virtude de Deus todo-poderoso, toda a tentação de Satanás. E, o que não mereço por minhas obras, tu alcança por teus rogos por mim, ante Nosso Senhor, que em mim não haja lugar e mistura de alguma maldade.
E se, algumas vezes, me vires errar o bom caminho e seguir os errores dos pecados, tu procura de me volver a meu Salvador, pelas carreiras da justiça. E quando me vires em alguma tribulação e angústia, faz que me venha adjutório de Deus, por teu…

14 de março dia de Santa Matilde (+968)

Santa Matilde viveu de 895 a 968. Rainha, mãe de Otto “o grande” e uma beneditina, filha do Conde de Dietrich de Westphalia e Reinhild da Dinamarca.    Algumas vezes chamada de Mathildis ou Mechtildis.   Ela casou-se com Henrique Fowler, filho do Duque Otto da Saxônia em 909 Em 919, Henrique sucedeu ao rei Conrad I no trono Alemão. Seus filhos foram Otto, o grande e Henrique, e ela os educou quando o seu marido morreu em 936. Ela reinou como regente de Otto até ele ser coroado imperador em 962.  Aí entrou para um convento beneditino e fundou vários monastérios em Engerm e Wesfalia e a Abadia de Poehlde.   Matilde é um exemplo de como se pode viver em um mundo de esplendor e alcançar a perfeição religiosa.  Ela ficava frequentemente reclusa, lendo meditando e no meio da pompa da corte tinha tempo para suas obras de caridade nunca negligenciava seus deveres de cristã, visitando sempre que podia, os pobre e os doentes, e deu suas joias para ajudar as obras de caridade.   Após a morte de Henriq…

O coração penitente da Virgem Maria

Na quarta feira de cinzas a nossa igreja inicia um tempo novo. Tempo de reflexão, de reconstruir a aliança com Deus, que por muitos dos nossos pecados, rompemos com Ele. É um tempo de fazer as pazes com Deus que ansioso aguarda por ouvir os nossos passos da volta, como o Pai do filho pródigo, Ele nos espera no portão do nosso coração, mais precisamente nesta época em que estamos mais propícios a buscar por sua misericórdia e piedade: A Quaresma!
Muitas vezes nos propomos a tantas coisas, fazemos propósito de não comer carne, abrimos mão de algumas coisas que gostamos muito, tentamos mudar comportamentos que durante todo o ano esquecemos de trabalhar e no fim, percebemos, a cada ano que nada mudou! Tanto nos esforçamos abrindo mão das nossas vontades neste tempo quaresmal, mas nos frustramos quando olhamos para dentro de nós mesmos e vemos que tão pouco passos demos diante de tantas coisas que precisam ser mudadas em nós.

Mas não podemos, mesmo diante de tão poucos resultados, desistir d…

Nossa Senhora Auxiliadora

Ó Santíssima e Imaculada Virgem Maria, terníssima Mãe nossa e poderoso Auxílio dos Cristãos, nós nos consagramos inteiramente ao vosso doce amor e ao vosso santo serviço. Consagramo-vos a mente com seus pensamentos, o coração com seus afetos, o corpo com seus sentidos e com todas as suas forças, e prometemos querer sempre trabalhar para a maior glória de Deus e a salvação das almas. Vós, entretanto, ó Virgem incomparável, que fostes sempre a Auxiliadora do povo cristão, continuai, por piedade, a mostrar-vos tal, especialmente nestes dias. Humilhai os inimigos de nossa Santa Religião e frustrai seus perversos intentos. Iluminai e fortificai os Bispos e os Sacerdotes, e conservai-os sempre unidos e obedientes ao Papa, mestre infalível; preservai da religião e do vício a incauta mocidade; promovei as santas vocações e aumentai o número dos ministros sagrados, a fim de que, por meio deles, se conserve o reino de Jesus Cristo entre nós e se estenda até os últimos confins da terra. Suplicamo-vos também, ó dulcíssi…

OFERECIMENTO A NOSSA SENHORA AUXILIADORA

Ensinai-me, oh! Maria Auxiliadora, a ser doce e bom em todos os acontecimentos de minha vida;
Nos desenganos, no descuido de outros, na falta de sinceridade daqueles em quem acreditei, na deslealdade daqueles em quem confiei.
Ajudai-me a esquecer de mim mesmo para pensar na felicidade dos outros; a ocultar meus pequenos sofrimentos de tal modo que seja eu o único que os padeça.
Ensinai-me a tirar proveito deles, a usá-los de tal modo que me suavizem, não me endureçam nem me amarguem;
Que me façam paciente e não irritável; que me façam amplo em minha clemência e não estreito e despótico.
Que ninguém seja menos bom, menos sincero, menos amável, menos nobre, menos santo por ter sido meu companheiro de viagem no caminho até a vida eterna.
Amém.
http://precantur.blogspot.com.br/2013/05/oracoes-nossa-senhora-auxiliadora.html

O dia em que o Menino Jesus desceu para brincar com as crianças

Um belíssimo conto sobre fé e comunhão


Numa antiga abadia da Espanha aconteceu, há alguns anos, este fato. Alguns meninos realmente bons iam, muitas vezes, brincar no jardim do convento dos religiosos, onde se erguia uma estátua de Nossa Senhora que tinha nos braços uma linda criança. Os meninos, em certa hora, costumavam tomar o lanche. Uma vez, tendo ganhado dos padres as primeiras cerejas do ano, tiveram a ideia de reparti-las com o Menino de Nossa Senhora. Pegam um bom punhado delas e oferecendo-as a Jesus, dizem-lhe: – Olha Jesus, como são belas! Desce e vem comê-las conosco! Tanto agradou a Jesus aquele convite singelo, feito de coração, que Ele aceitou logo, e, voando levemente, desceu no meio deles para comer as cerejas e brincar alegremente. A cena repetiu-se durante muitos dias. Por fim, tendo os padres notado e comentado o fato com maior estupefação, Jesus interrompeu seus voos. Porém, não sem prometer aos meninos que os escolheria para comer cerejas no Paraíso. Vocês invej…

Imitar as virtudes da Rainha é o melhor caminho para amar a Cristo

Maria sempre foi lotada por virtudes. Virtudes essas que fizeram com que Ela fosse escolhida desde a eternidade para ser a Mãe de Jesus Cristo, Nosso Senhor e Salvador. Dentre essas virtudes, podemos citar: a humildade, o silêncio, a paciência, uma contínua vida de oração, obediência, a pureza, a doçura, uma fé contagiante e encorajadora, entre diversas outras.  Seguindo e imitando essas virtudes, temos a certeza de que Deus olhará para nós também como seu servo.
No canto do Magnificat, Maria expressa sua humildade entitulando-se "pobre serva".  Durante toda a história, demonstra também sua humildade guardando-se no silêncio, e nunca se vangloriando das obras e maravilhas que Deus fazia em sua vida. Devemos nós também ser como Maria. Humildes de alma e coração, tratar todos os irmãos com igualdade, respeito e dignidade, e nunca nos vangloriar das maravilhas de Deus.
Uma das virtudes mais marcantes da Virgem Maria é o silêncio, e esse é um dos motivos da Bíblia citar pouco o nome…