Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015

O uso de calças pelas mulheres e a Moral Católica

Tirado do blog Flores da Modéstia

Não contamos nem um século completo da época em que as mulheres usavam cotidianamente vestidos e saias. Em algumas épocas elas eram rodadas e com muitos forros, em outras com espartilhos delineando a cintura, e com menos forros, mas essa vestimenta tem sido culturalmente usada por todas as mulheres, ou seja são roupas exclusivamente femininas. Com exceção óbvia dos escoceses que usavam kilts (kilts e não saias, se você disser a um escocês que ele usa saia, ou usa roupas de mulheres, provavelmente vai ficar muito raivoso contigo). Aqui também, no entanto, a roupa das moças escocesas era diferente da dos rapazes.


Imagem tirada da Página: Mulher Católica Combatendo o Bom Combate

Nossa Senhora em Fátima veio pedir a modéstia no vestir, visite o link saiba mais:
Nossa Senhora em Fátima veio pedir a modéstia no vestir.

Podemos perceber que as vestimentas para ambos os sexos dependem da cultura do local, entretanto devem ser diferentes. Por exemplo, todos os hom…

Por que ir à igreja se eu posso rezar em casa?

A igreja, por mais simples que seja, exala Cristo É muito comum os católicos “praticantes”, ao convidarem alguém para ir à igreja, ouvirem coisas como: “Por que ir à igreja se posso rezar em casa?” ou “Rezo em casa mesmo! Não preciso ir à igreja”. A verdade é que precisamos, sim, ir à igreja. Tudo bem que podemos e devemos rezar em casa. Aliás, devemos rezar em todos os momentos. O próprio São Paulo nos diz:“ “Orai sem cessar, porque essa é a vontade de Deus a vosso respeito”” (cf. I Ts 5,17-18). Porém, a igreja é um lugar especial, é a Casa de Deus. É ali que Ele habita. Ali, a cada Santa Missa, Jesus renova Seu Santo Sacrifício e se faz Corpo e Sangue para nos dar a vida. Ali, Jesus fica no Sacrário esperando a nossa visita. Moisés, quando viu a sarça que ardia, recebeu a seguinte ordem: “Não te aproximes daqui. Tira as sandálias dos teus pés, porque o lugar em que te encontras é uma terra santa” (Ex 3,5). A morada de Deus é um lugar santo, é um lugar diferente, separado. O ato de sair …

Escute

Escute com interesse e com atenção; escute com amor sem interromper e sem pressa. Deixe que o outro diga tudo o que tem pra falar; só depois ele terá condições para ouvir sua mensagem. Uma esponja saturada de água não pode absorver mais líquido algum. Escutar com calma, com naturalidade, sem demonstrar espanto nem admiração. Deixe o outro esvaziar-se; só então ele poderá assimilar as ideias que você vai transmitir.  Frei Anselmo Fracasso, OFM

Orando na Quaresma

Deus de minha vida, Tu me chamas para fora do meu cotidiano e me colocas para dentro do teu amor. Tu queres que tudo em mim venha a florescer. Eu me entrego a ti e confio na tua graça neste tempo todo especial para mim. Assim seja.

O que dizem os santos sobre o carnaval

Santa Faustina Kowalska diz:“Nestes dois últimos dias de carnaval, conheci um grande acúmulo de castigos e pecados. O Senhor deu-me a conhecer num instante os pecados do mundo inteiro cometidos nestes dias. Desfaleci de terror e, apesar de conhecer toda a profundeza da misericórdia divina, admirei-me que Deus permita que a humanidade exista” (Diário, 926).
Santa Margarida Maria Alacoque escreve:“Numa outra vez, no tempo de carnaval, apresentou-me, após a santa comunhão, sob a forma de Ecce Homo, carregando a cruz, todo coberto de chagas e ferimentos. O Sangue adorável corria de toda parte, dizendo com voz dolorosamente triste: Não haverá ninguém que tenha piedade de mim e queira compadecer-se e tomar parte na minha dor no lastimoso estado em que me põem os pecadores, sobretudo, agora?” (Escritos Espirituais).
http://www.aascj.org.br/home/2011/03/07/o-que-dizem-os-santos-sobre-o-carnaval/

A impressionante história de Nossa Senhora de Lourdes

No dia 11 de fevereiro de 1858, a Santíssima Virgem Maria aparecia à humilde Bernadete Soubirous, para pedir à Igreja oração e penitência pela conversão dos pecadores. As mensagens de Nossa Senhora, saídas da gruta de Massabielle, nos arredores da cidade francesa de Lourdes, até hoje ecoam no coração dos fiéis que, maravilhados com o amor da Mãe que veio ao encontro de Santa Isabel e vem, agora, ao encontro de seu povo, peregrinam à França buscando alívio para o corpo e para a alma.

Nossa Senhora de Lourdes

A Virgem Maria se apresentou como a Imaculada Conceição, confirmando assim o dogma decretado anos antes. Foi no ano de 1858 que a Virgem Santíssima apareceu, nas cercanias de Lourdes, França, na gruta Massabielle, a uma jovem chamada Santa Marie-Bernard Soubirous ou Santa Bernadete. Essa santa deixou por escrito um testemunho que entrou para o ofício das leituras do dia de hoje. “Certo dia, fui com duas meninas às margens do Rio Gave buscar lenha. Ouvi um barulho, voltei-me para o prado, mas não vi movimento nas árvores. Levantei a cabeça e olhei para a gruta. Vi, então, uma senhora vestida de branco; tinha um vestido alvo com uma faixa azul celeste na cintura e uma rosa de ouro em cada pé, da cor do rosário que trazia com ela. Somente na terceira vez, a Senhora me falou e perguntou-me se eu queria voltar ali durante quinze dias. Durante quinze dias lá voltei e a Senhora apareceu-me todos os dias, com exceção de uma segunda e uma sexta-feira. Repetiu-me, vária vezes, que dissesse aos sa…

Como Maria pode ouvir nossas orações?

Será que a Virgem Maria e os santos são como Deus, por isto ouvem nossas orações? Algumas pessoas se perguntam como a Virgem Maria, e também os santos, podem ouvir as nossas orações e a de tantas pessoas, ao mesmo tempo, no mundo todo, e atender a todos simultaneamente. Será que ela é como Deus, onipotente ou onisciente? Não. Nada disso! Nossa Senhora não tem esses atributos divinos, mas ela e os santos estão em comunhão com Deus; então, participam desses dons divinos, mesmo sem tê-los naturalmente. Participam deles pela graça. Como assim? É por meio de Jesus, com quem estão em comunhão plena, que eles ficam sabendo de nossos pedidos, pois para o Senhor nada é impossível. Outra coisa importante é saber que, na eternidade, não há mais o tempo como na vida terrena. Na eternidade, ele não existe. É por isso que o teólogo Karl Ranner disse: “Deus é um instante que não passa”. Para Ele não há passado, presente nem futuro como para nós; para Ele tudo é só presente. O tempo faz existir o passad…

A importância da oração do rosário em família

É fundamental que a família cristã reze o rosário todos os dias Segundo uma tradição, São Domingos de Gusmão, espanhol, recebeu de Nossa Senhora a devoção do santo rosário, que ele rezava continuamente em suas caminhadas pela conversão dos hereges cátaros que agitavam a vida da Igreja na França. Em suas aparições, em Fátima e Lourdes, Nossa Senhora pediu insistentemente aos videntes para que rezassem o terço sempre. Ela disse aos pastorinhos, em Fátima, que “não há problema de ordem pessoal, familiar, nacional e internacional, que o santo terço não possa ajudar a resolver”. Por isso, o terço e o rosário tornaram-se orações amadas pelo povo de Deus. O Papa João Paulo II disse que essa era “a sua oração predileta”; sempre o víamos rezando-a. Bento XVI o recomendou fortemente. Disse: “O rosário é oração bíblica, toda tecida da Escritura Sagrada. É a oração do coração, em que a repetição da Ave-Maria orienta o pensamento e o afeto para com Cristo, tornando-se súplica confiante na nossa Mãe”. …

Maria Virgem Imaculada Mãe de Deus

Quem é essa mulher que aparece como a aurora, bonita como a lua, resplandescente como o sol? É um raio de luz que se aproxima docemente de um coração que se abre. A mão de Maria Santíssima vai semeando no corações abertos para ver nascer frutos luminosos, dignos do esplendor do céu.

Oh caminhantes que, como eu, ouviram a chamada desta Mãe tão carinhosa, deixem Maria orientar vossos pequenos corações para que possam arder cada vez mais de amor infinito.

Maria Santíssima, com Sua simples presença, emana uma Luz suave e cálida que faz com que os corações que se elevam para o amor infinito, se encham de serenidade e paz. Como o sol anuncia a manhã e ilumina o dia, peçamos à Maria que ilumine nossos caminhos e faça com que nossos corações, batendo junto ao Seu Coração, possa entender Seu amor Maternal.


Maria Santíssima é a Mãe que chama Chama porque é Mãe, Mãe de Jesus e nossa Mãe e ama Jesus entregando a Ele as nossas almas e nos ama doando Jesus a nós. Ansias e delicadezas, alegrias e martír…

A Madona Negra em Oropa

"Maria, com os nossos tempos de hoje temos necessidade da tua maternidade.
João Paulo II - Oropa, 16 VII 1989

Na estupenda concha de Oropa, a uma altura de 1200 metros, se encontra o majestoso Santuário de Oropa dedicado à Virgem Maria, Mãe de Jesus – Nossa Senhora de Oropa. Um culto mariano que se perde na noite dos tempos.

Para non desaparecer, vieram a Oropa no século III-II a.C. os "Celtas-Liguri", estimulados pelas legiões romanas. Neste lugar encontraram fontes, torrentes, grandes rochas adequadas ao culto religioso das "Matres", divindades feminina que protegiam campos, famílias, etc. Oropa, de fato, com a sua concha é um clássico cerco de pedras célticas, onde a "barma", isto é, a caverna formada por rochas transportadas pelos gelos constitui um "menhir" natural.

E nesta gruta formada por rochas "erratici" (grandes rochas que vêem transportadas em fundo ao vale por uma geleira) e sagradas às matronas céticas, no século IV d.C.…
É necessária a pureza da Intenção Não é tanto a duração de uma oração, mas o fervor com a qual é rezada que agrada a DEUS Todo-Poderoso e toca seu Coração. Mais vale uma única Ave Maria rezada com devoção e fé, que cento e cinquenta rezadas distraidamente. A maioria dos católicos reza o Rosário, todos os quinze mistérios ou um Terço, ou ao menos, algumas dezenas. Então, porque será que tão poucos, abandonam seus pecados e progridem na vida espiritual? Com certeza deve ser porque não rezam como se deve! É necessário pensar bem em como se deve orar, se realmente queremos agradar a DEUS e nos tornarmos santos. Para que se reze o Rosário com fruto é necessário estar em estado de graça ou ao menos que se esteja completamente determinado a abandonar o pecado mortal. Isto nós sabemos por que os teólogos nos ensinam que as boas obras e as orações são obras mortas, caso sejam feitas em estado de pecado mortal. Elas não são agradáveis a DEUS, nem podem nos ajudar a ganhar a vida eterna. É por isto que…

Oração pela Santificação dos Sacerdotes

(COMPOSTA POR SUA SANTIDADE O PAPA PIO XI)

Senhor, dos vossos santos angélicos e dos vossos servos, fazei labaredas.
Enviai benignamente, sacerdotes ao vosso povo, que é vosso e quer ser vosso; sacerdotes que, por estarem revestidos de justiça, sejam para ele verdadeiros anjos.

Anjos de pureza, preferindo o Vosso amor a todas as outras formas de amor, mesmo ao terno e santo amor humano.

Anjos de amor, renunciando às alegrias de uma família terrena, construindo em vez dela, uma família mais numerosa, da qual serão pai e pastor, tendo um amor especial aos pequenos, aos infelizes, aos cansados e abandonados.

Anjos de luz, acendendo no espírito dos homens a luz da fé em Vós, de modo que ela brilhará como a estrela da manhã.

Anjos de sacrifício, consumindo-se a si mesmos como chamas sacrificais,em favor dos seus irmãos e irmãs em Cristo.

Anjos de conselho e fortaleza, confortando os fiéis nas suas tristezas, apoiando-os nas suas lutas e mosntrando-lhes, nas dúvidas que os oprimem, a vereda cele…

Benefícios do perdão

Escrito por Dom Genival Saraiva

Perdoar é uma das atitudes mais difíceis na vida de milhares de pessoas. O fato de alguém pedir perdão a outrem equivale a dizer que reconhece seu erro e sua culpa, por isso, vai ao encontro de quem foi, efetivamente, atingido por sentimentos, palavras e atos que feriram a sua dignidade. O fato de alguém perdoar significa dizer que reconhece sinceridade no arrependimento daquele que vai ao seu encontro, com a disposição de mudar de atitude.

A Revista Veja, em sua edição de 28 de Julho passado, tem como “matéria de capa” o perdão, mais precisamente, “O poder do perdão”. Não deixa de ser, deveras, significativo o fato de estarem a ciência e a midia tratando de um assunto que, por certo, na mente da maioria das pessoas tinha lugar apenas no mundo das religiões e na prática de seus seguidores. O enfoque desse assunto na relação interpessoal e institucional, numa visão psicológica, filosófica, sociológica e política, com sua referência à face do perdão, bib…