Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2013

Campanha da Fraternidade 2014

Os subsídios da Campanha da Fraternidade 2014 já estão disponíveis nas Edições CNBB. São diversos materiais como o manual, texto base, via sacra, celebrações ecumênicas, folhetos quaresmais, CD e DVD, banner, cartaz, entre outros. Com o objetivo de trabalhar os conteúdos da campanha nas escolas, foram produzidos também subsídios de formação voltados aos jovens do ensino fundamental e médio, além de encontros catequéticos para crianças e adolescentes. O cartaz da CF 2014, que se encontra disponível para download, traz o tema “Fraternidade e Tráfico Humano” e lema “É para a liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5, 1). Os demais produtos podem ser adquiridos no site: www.edicoescnbb.org.br ou pelo telefone: (61) 2193.3001. 1-O cartaz da Campanha da Fraternidade quer refletir a crueldade do tráfico humano. As mãos acorrentadas e estendidas simbolizam a situação de dominação e exploração dos irmãos e irmãs traficados e o seu sentimento de impotência perante os traficantes. A mão que sustent…

O ÍNCRÍVEL MILAGRE DE JUSTIN BOUHORT

O 11 de fevereiro de 1858 foi um dia de problemas dolorosos para a família de Santa Bernadette, não se diferenciando muito dos outros.

O pai da Santa, Francisco Soubirous, saíra cedo à procura de um ‘bico’. Na casa não havia o que comer. Após muito tentar, achou um que arrepiou sua honra de dono de engenho: carregar o lixo hospitalar do posto de saúde de Lourdes e queimá-lo fora da cidade, numa gruta onde, por vezes, se guardavam porcos.

O nome da gruta era Massabielle.

Francisco ganhou vinte “sous” (=tostões). Com eles, a engenhosa Louise preparou uma sopa para o almoço da família.

Enquanto Francisco estava fora, Louise, a mãe de Santa Bernadette, que ficara na casa, ouviu os gritos lancinantes da vizinha Croisine Bouhort. Ela a chamava desesperadamente.

Seu filhinho Justin que NASCERA RAQUÍTICO, AGONIZAVA MAIS UMA VEZ. A família, aliás, já costurava as roupas com que na região são enterradas as crianças. Mas a paciência e o tato materno de Louise, em mais de uma oportunidade impedira o d…

Maria, a escolhida

Salvador do mundo quisestes que Maria estivesse ao pé da cruz, para vos assistir, concedei-nos sua presença de Mãe nas provações desta vida e por seu auxílio, a esperança da vitória. Senhor ressuscitado, que venceste a morte ao terceiro dia e aparecestes á vossa Mãe e aos discípulos, enchendo-os de alegria, dai-nos a perseverança final, a visão de vossa face e a feliz ressurreição no ultimo dia. Amém. Padre Fernando dos Reis de Melo,SSS

Somos parentes próximos de Jesus

Por Frei Almir R. Guimarães, OFM

Jesus estava sempre cercado de muitas pessoas. Lucas, no texto hoje proclamado, observa que a mãe do Senhor e seus parentes queriam falar com ele, mas não podiam chegar até ele devido à multidão. Alguns chegaram a Jesus dizendo que eles estavam querendo ter com ele. Conhecemos essa palavra de Jesus que costuma causar estranheza: “Minha mãe e meus irmãos são aqueles que ouvem a Palavra de Deus”. O texto evangélico dá a impressão que Jesus não a devida atenção à mãe e aos parentes.
Na medida em que não vivemos para nós mesmo, mas em que nos colocamos como que “suspensos” à voz do Senhor passamos a ser ouvintes de Palavra. E a Palavra é como a semente. Esta e aquela morrem no solo e no coração para produzir fruto. Maria, a mãe de Jesus, antes de gera-lo na carne, concebeu-o em seu interior com o seu fiat, o seu faça-se em mim segundo a sua palavra. Da mesma forma cada discípulo de Jesus que se faz ouvinte atento da Palavra da Escritura, das fala…

Algumas frases de Pe. Pio de Pietrelcina

Como Jesus, preparemo-nos a duas ascensões: uma ao Calvário e outra ao Céu. A ascensão ao Calvário, se não for alegre, deve ao menos ser resignada! (Padre Pio)
Nas tentações, combata com coragem! Nas quedas, humilhe-se mas não desanime! (Padre Pio)
No tumulto das paixões terrenas e das adversidades, surge a grande esperança da misericórdia inexorável de Deus. Corramos confiantes ao tribunal da penitência onde Ele, com ansiedade paterna, espera-nos a todo instante. (Padre Pio)
Que o Espírito Santo guie a sua inteligência, faça-o descobrir a verdade escondida na Sagrada Escritura e inflame a sua vontade para praticá-la.(Padre Pio)
Se tanta atenção é dada aos bens desta Terra, quanto mais se deve dar aosdo Céu. Faça, portanto, uma boa leitura espiritual, a santa meditação, o exame de consciência, e fará progresso na perfeição cristã e no amor de Jesus.(Padre Pio)
O amor e o temor devem sempre andar juntos. O temor sem amor torna-se covardia. O amor sem temor torna-se presunção. (Padre Pio)
Não…

Oração a Nossa Senhora do Bom Parto

Nossa Senhora do Bom Parto, protetora das gestantes, ajuda-me durante toda a minha gestação, zelando por mim e por meu filho. Que eu sinta muita alegria durante toda a gravidez. Que saiba educar meu filho segundo os mandamentos cristãos. Nossa Senhora do Bom Parto, intercede junto de Deus-Pai para que eu possa receber meu filho em um ambiente agradável, cercado com carinho. Ensina-me a agradar a Deus por esta vida que está se formando e que entrego de coração em tuas mãos protetoras. Nossa Senhora do parto. Dá-me graça de ter um parto feliz. Faz com que meu filho nasça com saúde, forte e perfeito. Nossa Senhora do Bom Parto, roga por mim e por todas as gestantes. Amém.


Elam de Almeida Pimentel

Oração de Arrependimento

Senhor Jesus, unidos, queremos falar bem de perto ao vosso coração, neste momento. Queremos ter vossa vida em nós e caminhar nos vossos caminhos. Queremos ver vossa presença sempre continuada em nosso meio e na igreja. Queremos estar sempre assim perto de vosso coração e na vossa amizade. E, para ter isso, queremos insistir agora para que, pela vossa graça, muitos jovens seja chamados a viver na doação total a vós e no serviço ao Povo de Deus. Que tenhamos sacerdotes, religiosos e ministros santos, para que sintamos vossa presença de amor, vossa paz e salvação! Nós o pedimos com muita confiança, pela intercessão da Virgem Maria, vossa e nossa Mãe, avós que viveis e reinais com o Pai, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Enviai, Senhor, operários à vossa messe, pois a messe é grande e poucos os operários!

Missão Redentoristas

Cruzes do mundo, as cruzes da vida religiosa

Pensa-se comumente no mundo, dizia-me, que nada temos que sofrer ou que são somente sofrimentos pueris, e dizem mesmo: "Ora! As cruzes que encontram no século, essas sim, merecem o nome de cruzes!"
"É verdade que no mundo há grandes e pesadas cruzes... As da vida religiosa são alfinetadas diárias, a luta se trava em campo bem diverso; é preciso combater, destruir-se a si mesma, e é nisso que se ganha vitórias. Quantas almas, cuja coragem viril e fortaleza de ânimo causavam a admiração, ao perderem pais, filhos, e que diante das cruzes da vida religiosa acham-se muitas vezes desanimadas. Verifiquei aqui, que as naturezas mais fortes, aparentemente, são nessas coisinhas, as mais suscetíveis de abatimento, tanto é verdade que a maior vitória é vencer-se a si mesmo..."
Oh! respondi-lhe, a renúncia nas pequenas coisas é muito difícil, jamais a conseguirei! Tomo boas resoluções, vejo claramente o que preciso fazer, depois, na primeira ocasião deixo-me vencer; é mais forte …

As Sete Virtudes de Maria

1°: Tornar-se humilde como Maria: Maria se lembrava que tudo nela era dom de Deus. Guardava em segredo, mesmo diante de seu esposo, as graças e favores divinos com que era agraciada por Deus. Ela oferecia ao Senhor os louvores que recebia. Ela se comprazia em servir ao próximo e a se colocar sempre em último lugar. Ela não temia o desprezo; ela não foi vista em Jerusalém no Domingo de Ramos, na ocasião em que o povo recebeu seu Filho com todas as honrarias. Mas não teve medo de comparecer ao Calvário, onde foi reconhecida como a mãe de um condenado.

Ó Maria, Virgem Imaculada, Mãe de Deus e nossa Mãe, rogai por mim quando eu quiser me valorizar diante do próximo, revestindo-me com o manto da vossa humildade. E lembrai-vos de ... (neste momento, cada um coloca a sua intenção particular)

"Ó Maria, daí-nos a virtude da humildade."



2°: Amar a Deus e ao próximo como Maria: Cristo nos deu este mandamento: amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração e a teu próximo como a ti m…

Meu Deus e meu Tudo!

Porque de fato não encontro alegria, nem paz, nem felicidade senão nEle.
E como poderemos, de fato, encontrar qualquer contentamento fora dEle e em tudo que não é Ele, pois que Ele é o único Bem, o soberano Bem de nossas almas?
Por isso não se tem o desejo de procurar consolação junto das criaturas, quando se experimentou as consolações do Criador. Do contrário a terra se tornaria uma espécie de paraíso antecipado.
Só sinto prazer naquilo que pode dar glória a Deus, torná-Lo conhecido e amado.
Que Ele me dê um coração terno para com Ele
um coração grande e generoso,
um coração que não busque senão a Ele
não se apegue senão a Ele!
Compreende-se cada vez melhor que Deus é o centro de nosso coração que só Ele pode enchê-lo e torná-lo feliz.
Parece-me que ele se apoderou do meu coração de tal modo, que me seria impossível amar senão a Ele, desejar senão amá-Lo e Lhe ficar cada vez mais unida.
Peço sempre mais a Deus o hábito de sua divina Presença e a união com Ele, pois ele me parece de …

Chegou perto, viu e sentiu compaixão

Por causa do pecado original o olhar que dirigimos aos nossos irmãos está marcado com uma dupla distorção: a distância e a inimizade.

Olhamos para o irmão não como "próximo" e amigo.
Ao vir a este mundo, Nosso Senhor nos trouxe um outro olhar.
Na cruz, Jesus olha para nós, seus inimigos (cf. Rom 5, 10), e reza: "Pai, perdoa-lhes! Eles não sabem o que fazem." (Lc 23, 34).
É Ele o verdadeiro Bom Samaritano que se fez próximo da humanidade e, com misericórdia, cuidou de nossas feridas. Aboliu a inimizade e a distância entre samaritanos e judeus.
Na batalha espiritual que nós cristãos vivemos, devemos aprender de Jesus este olhar espiritual e compassivo. Nosso irmão não é nosso inimigo, mesmo que ele nos persiga. Inimigos são os anjos decaídos. Nossos irmãos são suas vítimas. E nós cristãos os enfermeiros. Como bons samaritanos, enfermeiros da humanidade, joguemos sobre suas feridas o óleo reconfortante do amor de Deus e o vinho vigoroso do desafio à conversão. Nossos irmão nã…

A Virgem Maria na contemplação de Francisco e Clara

Por Frei Regis Daher, OFM.
• Toda pessoa tem uma dimensão contemplativa: aceitação da vida, ação que nos transforma para a vida. Deus é o agente de nossa dimensão contemplativa.
• Nascemos humanos: “humano” é ser que desperta para a presença de Deus; sintonia para enxergar a razão de todas as coisas e sentir a relação com os seres.
• “Acender a luz dos olhos e do coração”; o despertar, dentro e ao redor de cada um, para o tempo, o meio, a vida, as pessoas que cada dia nos encontram e nos transformam.
• Essa transformação vai nos unindo a Deus que, respeitando nossa individualidade, vai nos transformando em Cristo.
• O último passo da contemplação: Deus nos torna colaboradores seus no anúncio desta transformação e realização, comunicando à cada pessoa esta nova vida recebida.
• Todos esses passos aconteceram na vida de Maria, “a Virgem feita Igreja”.
• Francisco e Clara, pela contemplação de Maria, refizeram este caminho em suas vidas.
PEQUENOS E FRACOS COMO A VIRGEM MARIA
• Deus resolveu começ…

O que é "ser rico" diante de Deus?

Posted: 04 Aug 2013 08:03 PM PDT

Por Franbezant, OFMConv.
"O que hei-de fazer? Onde encontrarei que comer? Que vestir?" Eis o que diz este rico. O seu coração sofre, a inquietação devora-o, porque aquilo que regozija os outros acabrunha o avarento. O facto de todos os seus celeiros estarem cheios não é para ele motivo de felicidade. O que atormenta dolorosamente a sua alma é esse excesso de riquezas, transbordando dos seus celeiros. [...]
Considera, homem, quem te cumulou com a sua generosidade. Reflete um pouco sobre ti mesmo: Quem és tu? O que é que te foi confiado? De quem recebeste este cargo? Porque foste tu escolhido, de preferência a muitos outros? O Deus de bondade fez de ti Seu administrador; tu és responsável pelos teus companheiros de trabalho: não penses que tudo foi preparado apenas para ti! Dispõe dos bens que possuis como se eles pertencessem aos outros. O prazer que eles te proporcionam dura pouco, em breve eles te vão escapar e desaparecer, mas ser-te-ão pedida…

Considerações sobre o amor

Por Frei Vitório Mazzuco, OFM
A universalidade do amor está no particular profundo do encontro entre duas almas, corpo, mente, alma e coração. A glória do amor passa do êxtase à dor, da calma ao desespero, da vida à morte, da chama à sombra. O jeito de amar dispara corações, enrubece faces, dá fogo aos olhos, ritmo nas palavras e delirantes conversas silenciosas.
O amor cria mil e-mails, pertinentes telefonemas, desperta a criança adormecida, cria exaustivas cobranças, adora defeitos e sublima virtudes. O amor condena e endeusa; gosta de deitar acordado para que o sonho venha antes de dormir. O amor brinca no céu e desce ao inferno. É uma química de energia, nó na garganta, aperto no peito, fôlego acelerado e escancarada porta dos desejos.
O amor é cantado por poetas, bardos e menestréis, seresteiros, romancistas, compositores e autores. Ele é drama e rito, cama e mito, sonhados passeios de mãos entrelaçadas. Tempestade interna e beleza simples de paisagem externa, píncaro e abismo, flo…

O humilde será exaltado

A humildade é uma virtude e Nosso Senhor é o nosso máximo modelo: "aprendei de mim que sou manso e humilde de coração" (Mt 11, 29).
Baseado em Santo Tomás de Aquino, o Padre Antonio Royo Marín define a humildade como "uma virtude derivada da temperança que nos inclina a coibir o apetite desordenado da própria excelência , dando-nos o justo conhecimento de nossa pequenez e miséria, principalmente com relação a Deus" (Teología de la perfección cristiana, n. 355).
Ou seja, a humildade se opõe diretamente à soberba, pois a soberba é exatamente isto: um desejo irracional e contrário à verdade dos fatos (desordenado) de se elevar acima dos outro (excelência, do latim, excellĕre, elevar-se acima, ser superior, sobrepujar).
Por isto a soberba tem sempre um caráter delirante e a humildade nos trás de volta à realidade. Santa Teresa D’Ávila nos explica a ligação entre a humildade e a verdade. Uma vez estava eu considerando por que razão era Nosso Senhor tão amigo desta virtud…

Alma

Esta cela é um quarto intimo, que o ser humano leva consigo por toda parte. Nela adquirem-se virtudes perfeitas e reais, especialmente a humildade e a ardente caridade. No conhecimento de si, a pessoa se humilha, tomando consciência da própria imperfeição e do próprio nada. De outro lado, compreende que Deus recebeu o ser; reconhecendo que do Criador recebeu a existência, a Ele atribui o ser e tudo o que ao ser foi acrescentado. Adquire assim a caridade perfeita e verdadeira, e com ela começa amar a Deus de todo o coração e afeto, com toda a alma.


Santa Catarina de Sena

Maria

Maria Santíssima, Mãe amorosa, que nos quereis levar ao vosso divino Filho para nele nos fazer encontrar a nossa verdadeira vida, vinde em nosso auxilio, para que possamos meditar santamente em suas palavras e exemplo, glorificando o mais possível esse mesmo vosso Filho, nosso Salvador divino. Amém.


Frei João Pedreira de Castro, OFM