sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Você, Senhor, não despreze um coração humilhado.


Para que uma árvore cresça, deve colocar suas raízes bem. Quando estes são superficiais, eles podem ser queimados pelo sol ou pela geada e a árvore morre. Depois, há raízes que, mesmo quando a árvore é cortada, continuam a brotar. É difícil erradicá-los quando se quer fazer uma purificação total. As raízes do mal são sempre muito resistentes e raramente são deixadas para erradicar. Eles afetam a mente e o coração do homem, penetram e envolvem todos os pensamentos e sentimentos que eles encontram em seus corações, a casa desejada. Deus, comunicando sua vontade aos homens, quer a conversão do coração, a mudança dos sentimentos mais profundos que cada um carrega dentro. O coração, como tal, é considerado o assento de afeições, desejos, aspirações, sonhos, projetos. No coração são estabelecidas todas as relações de dependência afetiva que asseguram ao homem uma vida cheia de emoções, conquistas ou até desapontamentos e amargura. O próprio Jesus, quando fala de sua lei, afirma que devemos amar a Deus "com todo nosso coração". Todos os sentimentos e emoções que surgem no homem devem ser dirigidos a ele. O chamado de Jesus para a pureza do coração é muito importante. Ele diz que apenas "o coração puro verá Deus". O coração do homem, em toda a sua plenitude, pode tornar-se a "escada ascensional" que nos permite alcançar Deus e nos estabelecer nele.


Quero me comprometer, oh meu Senhor,


para afetar profundamente meu coração para erradicar as raízes do mal.


Eu tenho que me contentar profundamente com o seu amor.


(passagem tirada do folheto Quaresma - A jornada de conformidade com Cristo Jesus - por N.Giordano)

A vagar


Sempre que te vejo no caminho a vagar
Estás sozinho e teus passos querem retornar
Teu olhar me diz que não tens paz
Teu olhar me diz que não tens paz

Jovem, deixa o mundo
Sê jovem e não um moribundo
Aceita a Jesus, ele vai mudar o teu viver
Com Jesus tu vais vencer
Tu vais vencer, tu vais vencer
Tu vais vencer, tu vais vencer
Com Jesus tu vais vencer


Resultado de imagem para vagando

Extrema unção

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas sentadas e área interna
Havia no mosteiro de Reichensberg um cônego regular, por nome Arnaldo, muito devoto da Santíssima Virgem. Estando para morrer, chamou, após a recepção dos santos sacramentos, os religiosos e pediu-lhes que não o abandonassem naquele último momento. Apenas isto dissera, começou a tremer, a revirar os olhos e a suar frio. Irmãos- perguntou com voz trêmula- não vedes os demônios que me querem levar para o inferno? Invocai, meus irmãos, invocai por mim o auxílio de Maria; eu nela confio; ela me fará triunfar. Rezaram então os presentes a Ladainha da Mãe de Deus, e as palavras " Santa Maria, rogai por ele " disse o moribundo: repeti o nome de Maria, pois já estou perante o tribunal de Deus. Parou um pouco e depois acrescentou: É verdade, eu cometi este pecado, mas também dele fiz penitência. Dirigindo-se à Santíssima Virgem, suplicou: Ó Maria, assisti-me e eu serei salvo. De novo o assaltaram os demônios, mas Arnaldo se defendia com o Santo Crucifixo e com a invocação do nome de Maria. Assim passou a noite inteira. Ao alvorecer, completamente sereno, exclamou com alegria: Maria minha Senhora e meu refúgio, obteve-me o perdão e a salvação. olhando em seguida para a Virgem que o convidava a segui-la, disse: Já vou, Senhora, Já vou. E fez um esforço para levantar-se. Não podendo contudo segui-la com o corpo, seguiu-a com a alma, ao reino da glória eterna, expirando docemente.
( Do Livro: As Glórias de Maria )

SANTO ROSÁRIO DE ADORAÇÃO EUCARÍSTICA


Ó Deus, venha e salve-nos. Senhor, venha rapidamente em nossa ajuda. Glória ao Pai ...

1. Para todos os Tabernáculos abandonados.
Santo, Santo, Santo, o Senhor Deus do universo. Os céus e a terra estão cheios de sua glória. Hosanna nos céus mais altos!
Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor! Hosanna nos céus mais altos!

10 vezes: Que Jesus seja louvado e agradecido a cada momento no Santíssimo Sacramento!

2. Em reparação dos sacrilegos contra a Eucaristia.
Santo, Santo, Santo, o Senhor Deus do universo. Os céus e a terra estão cheios de sua glória. Hosanna nos céus mais altos!
Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor! Hosanna nos céus mais altos!

10 vezes: Que Jesus seja louvado e agradecido a cada momento no Santíssimo Sacramento!

3. Para todos os sacerdotes equivocados.
Santo, Santo, Santo, o Senhor Deus do universo. Os céus e a terra estão cheios de sua glória. Hosanna nos céus mais altos!
Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor! Hosanna nos céus mais altos!

10 vezes: Que Jesus seja louvado e agradecido a cada momento no Santíssimo Sacramento!

4. Para a unidade do clero.
Santo, Santo, Santo, o Senhor Deus do universo. Os céus e a terra estão cheios de sua glória. Hosanna nos céus mais altos!
Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor! Hosanna nos céus mais altos!

10 vezes: Que Jesus seja louvado e agradecido a cada momento no Santíssimo Sacramento!

5. Para o Ostie oferecido no Host.
Santo, Santo, Santo, o Senhor Deus do universo. Os céus e a terra estão cheios de sua glória. Hosanna nos céus mais altos!
Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor! Hosanna nos céus mais altos!

10 vezes: que Jesus seja louvado e agradecido a cada momento no Santíssimo Sacramento.


Em Italiano
O Dio, vieni a salvarci. Signore, vieni presto in nostro aiuto. Gloria al Padre...

 1. Per tutti i Tabernacoli abbandonati. Santo, Santo, Santo il Signore Dio dell'universo. I Cieli e la terra sono pieni della tua gloria. Osanna nell'alto dei Cieli! Benedetto Colui che viene nel nome del Signore! Osanna nell'alto dei Cieli! 
10 volte: Sia lodato e ringraziato ogni momento Gesù nel Santissimo Sacramento! 

2. In riparazione dei sacrilegi contro l'Eucaristia. Santo, Santo, Santo il Signore Dio dell'universo. I Cieli e la terra sono pieni della tua gloria. Osanna nell'alto dei Cieli! Benedetto Colui che viene nel nome del Signore! Osanna nell'alto dei Cieli! 
10 volte: Sia lodato e ringraziato ogni momento Gesù nel Santissimo Sacramento! 

3. Per tutti i sacerdoti traviati. Santo, Santo, Santo il Signore Dio dell'universo. I Cieli e la terra sono pieni della tua gloria. Osanna nell'alto dei Cieli! Benedetto Colui che viene nel nome del Signore! Osanna nell'alto dei Cieli! 
10 volte: Sia lodato e ringraziato ogni momento Gesù nel Santissimo Sacramento! 

4. Per l'unità del Clero. Santo, Santo, Santo il Signore Dio dell'universo. I Cieli e la terra sono pieni della tua gloria. Osanna nell'alto dei Cieli! Benedetto Colui che viene nel nome del Signore! Osanna nell'alto dei Cieli! 
10 volte: Sia lodato e ringraziato ogni momento Gesù nel Santissimo Sacramento! 

5. Per le Ostie offerte nell'Ostia. Santo, Santo, Santo il Signore Dio dell'universo. I Cieli e la terra sono pieni della tua gloria. Osanna nell'alto dei Cieli! Benedetto Colui che viene nel nome del Signore! Osanna nell'alto dei Cieli! 
10 volte: Sia lodato e ringraziato ogni momento Gesù nel Santissimo Sacramento.


https://www.youtube.com/watch?v=Ez03dI71wrk&feature=em-uploademail

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Novo milagre de Lourdes? Menina de 7 anos, surda de nascença, tira o aparelho e declara: “Estou ouvindo!”



"Já fiz trinta viagens a Lourdes. Já vi muitas coisas, dolorosas, comoventes. Mas desse jeito, nunca. Esta foi realmente a peregrinação da misericórdia!"

Eu acredito, eu tenho fé: se não tivesse, não teria vindo a Lourdes. Mas eu quero continuar com os pés no chão. Quero provas da ciência. Não se brinca com essas coisas“, declara a feliz e pragmática mamãe de uma menina surda que, durante uma viagem a Lourdescom a associação italiana de peregrinos Unitalsi, com a simplicidade e graça que só as crianças têm, tirou o próprio aparelho auditivo e disse: “Estou ouvindo bem, não preciso mais disso”!
Infinita a alegria também dos outros 225 peregrinos que tinham partido da Lombardia, no norte da Itália, para ir até o santuário mariano tão querido por católicos do mundo inteiro.
A notícia foi publicada pelo jornal Avvenire, que entrou em contato com o responsável pela organização daquela peregrinação, Giuseppe Secondi. Ele narra a experiência assombrosa de ouvir aquele diálogo inédito entre mãe e filha logo após ter interrompido uma brincadeira com a pequena: “Eu disse a ela que não podia mais brincar porque tinha outro compromisso que eu precisava cumprir. Ela então voltou para perto da mãe e eu a vi tirando os aparelhos auditivos, sem os quais ela estava condenada à surdez. Quando a mãe pediu que ela os colocasse de volta, ela respondeu: ‘Estou ouvindo bem, não preciso mais disso’”.
A mãe tinha ido a Lourdes com a filha e um dos seus dois irmãozinhos. O marido, por causa de compromissos de trabalho, tinha ficado em casa com o caçula, de 11 meses. A família vive na Ligúria e tinha se juntado ao grupo lombardo a fim de fazer uma peregrinação de agradecimento a Nossa Senhora pela saúde da menina, que tinha sobrevivido a complicações no parto.
A mãe relata:
Minha filha é surda praticamente desde o nascimento. Ele nasceu com 26 semanas, no dia de Natal de 2009. Era para nascer só no início de abril! Pesava 800 gramas e passou três meses no hospital. Para salvá-la, os médicos lhe deram medicamentos que acabaram causando algumas hemorragias cerebrais e ‘queimaram’ os canais auditivos. Os exames mostraram que ela sofre de surdez profunda nos dois ouvidos. Os aparelhos auditivos eram uma necessidade. Certa manhã, eu me disse: preciso levar a minha filha a Lourdes para agradecer a Nossa Senhora por tê-la protegido: ela corria perigo de vida, mas venceu e é uma criança serena e feliz. E também quero pedir ajuda, para ter as forças de enfrentar este desafio de vida tão exigente, eu, ela, todos nós. Foi a primeira vez que viemos a Lourdes. E foi uma experiência tocante e belíssima!“.
Agora, o Bureau des Constatations Médicales de Lourdes, ou seja, a comissão médica que investiga toda alegação de milagre ocorrido no santuário, quer os históricos médicos completos da menina antes de fazer qualquer avaliação.
Giuseppe Secondi testemunha:
Já fiz trinta viagens a Lourdes. Já vi muitas coisas, dolorosas, comoventes. Mas desse jeito, nunca. Esta foi realmente a peregrinação da misericórdia!“.

https://pt.aleteia.org/2016/11/14/novo-milagre-de-lourdes-menina-de-7-anos-surda-de-nascenca-tira-o-aparelho-e-declara-estou-ouvindo/

A mão de María antes e depois de visitar Lourdes


Um testemunho de cura atribuída a Nossa Senhora

María Verda, de 27 anos, havia tido um episódio esporádico de psoríase não diagnosticada, que piorava a cada semana. O que apareceu em janeiro de 2017 na mão direito não só aumentava, como também passou para a outra mão e para as costas.
“Na farmácia, disseram-me que parecia um caso de psoríase. Deram-me uma pomada e me disseram que ia sarar em uma semana. Mas não surtiu efeito. Nem a segunda pomada que me deram, com mais cortisona”, conta María ao Alfa y Omega.
Casada e com dois filhos, ela provou de tudo para acabar com a infecção que, na sexta-feira antes da Semana Santa, havia tomado toda a mão e começava a sangrar levemente.
Férias em família
Como a Semana Santa se aproximava, “estávamos pensando no que fazer durante as férias”, lembra María. “Pensamos em ir a Fátima, mas minha cunhada vem do México no verão e havíamos combinado de ir com ela ao santuário português”. O destino escolhido, então, foi Lourdes, onde passariam as férias. Ainda não haviam pensado na possibilidade de pedir pela cura.
Naquela mesma semana, em uma festa na sua casa, uma amiga que tem psoríase deixou para María um creme que seu médico tinha lhe receitado. “Ao me deitar, fui passar o creme, mas Carlos [seu marido] disse que não, que em Lourdes pediríamos para a Virgem me curar”, explica.
Oração debaixo d´água
Na Quinta-feira Santa, eles chegaram a Lourdes. “Perguntamos pela água curativa, porque havia piscinas e banhos e estávamos meio perdidos”, disse Maria. “Uma voluntária me explicou que eu poderia me molhar com a água das fontes”, acrescentou.
Antes de colocar as mãos na água, “passamos pela gruta das aparições e rezamos um pouco diante da Virgem. Depois, fomos à fonte e eu coloquei as mãos debaixo daquela água”, momento em que ela recitou interiormente uma oração à Virgem Maria.
A mão saiu da água tal qual entrou. À noite, “notei que estava melhor, embora ainda não dava para perceber fisicamente”, reconhece María, que voltou a jogar mais água durante a madrugada e na manhã seguinte.
“No meio da manhã, a infecção cutânea começou a desaparecer. Havia muita diferença. Eu mostrei a Carlos e ele ficou muito impactado”, contou María.
Existo e estou com você
Já de volta a Madri, a infecção tinha sumido por completo. “Só ficou uma pequena cicatriz, que também desapareceu em poucos dias”, assegura a mulher.
Hoje, a psoríase despareceu completamente, tanto das mãos quanto das costas. E não há sinais de que vá reaparecer.
“Estou muito agradecida. Sinto como se tivesse acontecido algo especial. É um ano de muita incerteza para nós… Precisava sentir que a Virgem e Deus existem, eu precisava sentir o carinho deles. O  desparecimento da psoríase foi como se eles tivessem me dito: ‘estou aqui com você’”, conclui María.
Por José Calderero @jcalderero
Artigo publicado originalmente por Alfa y Omega, traduzido e adaptado ao português

Reconhecido o milagre número 70 realizado em Lourdes!


Comissão médica internacional realizou exames e estudos durante 8 anos e concluiu que a cura “é inexplicável no estado atual da ciência”

Dom Jacques Benoit-Gonnin, bispo de Beauvais, na França, anunciou oficialmente o reconhecimento do 70º milagre atribuído à intercessão de Nossa Senhora de Lourdes.
Trata-se da cura milagrosa da irmã Bernadette Moriau, uma religiosa que atualmente tem 79 anos de idade. Ela não conseguia andar sem ajuda e peregrinou ao santuário mariano em 2008. Após anos de avaliações e estudos por parte de médicos, cientistas e autoridades católicas responsáveis pela análise de supostos milagres, a confirmação de que esta cura é cientificamente inexplicável foi tornada pública de modo oficial neste domingo, 11 de fevereiro, dia em que a Igreja celebra Nossa Senhora de Lourdes e o Dia Mundial dos Enfermos.
POLI I CIRIC
A religiosa, que pertence à congregação das Franciscanas Oblatas do Sagrado Coração de Jesus, sofria de um tipo de estenose espinhal que afeta o conjunto de nervos localizado ao final da medula espinhal. A doença, que é conhecida como “síndrome da cauda equina”, afetava a irmã Bernadette desde o final dos anos 1960.
Em vídeo postado no YouTube, a religiosa relata:
“Em fevereiro de 2008, o meu médico me convidou a fazer uma peregrinação diocesana de 3 a 7 de julho (…) Eu nunca tinha estado em Lourdes. Quando estava doente, visitei o santuário com a alegria de todos os peregrinos, porque naquele ano celebramos os 150º aniversário das aparições de Nossa Senhora. Na gruta, eu senti a presença misteriosa de Maria e da pequena Bernadette (…) Não pedi a cura, mas a conversão do coração e a força para seguir o meu caminho”.
Quatro dias depois de terminar a peregrinação a Lourdes, a freira teve “uma sensação de calor e uma melhora em todo o meu ser. Eu me senti bem”. A experiência aconteceu durante a adoração ao Santíssimo Sacramento, em sua comunidade religiosa.
O bispo de Beauvais explicou, em comunicado oficial, que, naquele mesmo dia, quando a irmã Bernadette acabou a oração e voltou para o quarto, deixou de lado todos os equipamentos e começou a andar imediatamente, sem ajuda e com total autonomia. “As irmãs testemunharam este acontecimento“.
Depois de consultar seu médico, a religiosa procurou a Comissão Médica Internacional de Lourdes, que, conforme o protocolo adotado para todos os casos de supostos milagres de cura ocorridos no santuário, passou a realizar uma série de testes, estudos e exames que duraram 8 anos. Em sua assembleia de 18 e 19 de novembro de 2016, a comissão apresentou a conclusão de que a cura da religiosa é “inexplicável no estado atual dos nossos conhecimentos científicos”.
CC
bispo relatou que foi oficialmente informado sobre os estudos da comissão médica em fevereiro de 2017, quando deu prosseguimento ao minucioso protocolo da Igreja para as avaliações de milagres desse tipo, submetendo aqueles estudos à consideração de uma comissão diocesana. Após essa análise e as oportunas reflexões sobre as conclusões médicas e a relação entre a cura e a peregrinação realizada pela irmã Bernadette a Lourdes, dom Jacques reconheceu o caráter milagroso da cura “como um sinal dado por Deus através da intercessão de Nossa Senhora de Lourdes“.
O bispo, que não conhecia a religiosa antes da cura inexplicável, se declarou feliz com o milagre, comentando:
Poder expressar conscientemente que Deus interveio é algo que me supera. De fato, para a Igreja, um milagre é uma ação de Deus que diz algo sobre Ele e o seu desígnio para a humanidade. Muitas vezes o milagre é realizado através da intercessão de um santo que é invocado. Neste caso, Deus age através da intercessão da Virgem Maria, venerada em Lourdes“.

https://pt.aleteia.org/2018/02/12/reconhecido-milagre-numero-70-realizado-em-lourdes/?utm_campaign=NL_pt&utm_source=daily_newsletter&utm_medium=mail&utm_content=NL_pt